Um balé pirotécnico de cores e luzes no céu de Valletta

Foto que tirei de uma das apresentações de 2011.                                                                                                                                                      Foi emocionante e apaixonante ver alguns corações aparecerem no céu. s2

Eu e meus amigos (Leia-se:  estudantes pobres) decidimos acompanhar o festival junto com o povão mesmo, esquema “pipoca baiana”. Brincadeira. hahahaha Onde ficamos, não era um dos melhores lugares para assistir, é verdade, não tinha lugar para sentar, mas foi bem bacana e tranquilo, nada de muvuca e empurra em empurra. hehehehe eu sugeri que assistíssemos do Upper Barrakka, porém estava fechado apenas para convidados. Então, ficamos numa rua ali por perto, vendo do alto, por cima de um dos muros que cercam Valletta. Dali não dava para ver o mar, onde estavam as plataformas de onde são lançados os fogos, mas quando explodiam no céu, podíamos ver perfeitamente. =)

Infelizmente, só mais pro final que descobrimos o Barriera Wharf. Por lá, havia algumas barracas de comidas e bebidas. Decidi ir com meus amigos, pois sabia que a diversão seria maior. Mas não vou negar que eu adoraria ter assistido tudo de algum restaurante ou de um barco saboreando um alguma delícia gastronômica acompanhada de um bom vinho. Achei muito bacana o evento. É diferente do que estamos acostumados de ver nas festas de Ano Novo, pois não tem ninguém pulando, gritando e nem comemorando nada. Durante as apresentações é possível ouvir apenas aplausos, assobios e interjeições de admiração como “ooooohhhh”. A música é fundamental para criar um clima mágico e transformar os fogos num emocionante balé de formas, cores e luzes no céu.

Eu e um amigo francês saímos antes do final, pois estávamos morrendo de fome e com receio do trânsito e do caos que seria para conseguir entrar no ônibus na volta. E olha que mesmo assim já foi uma loucura para entrar no ônibus. Paramos em Msida, compramos kebabs, algumas cervejas e sentamos num dos vários bancos que existem espalhados pela orla de lá. Como o festival ainda não havia acabado, pudemos ver o final de lá. Own so romantic night! <3

Selecionei alguns vídeos do ano passado pra vocês verem, é só clicar nos links abaixo:

Lourdes Fireworks Factory – Qrendi : a vencedora da competição de 2011.

Tal-Gilju Fireworks Factory – Mqabba: que fez a apresentação com alguns corações como o da foto ali de cima.

Pyromusical display by Venefuegos – Venezuela: apresentação de uma equipe da Venezuela.

Malta International Fireworks Festival: e para finalizar, neste vídeo tem um bacana pot pourri pra você ver um pouquinho do que foi o festival do ano passado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *